Contrariando

Voltando a postar.

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Desigualdade Social





Por que existe tanta Desigualdade Social?
Em qual desigualdade Social o quadro te faz pensar?
Por que essa obra se chama Retirantes? 


A desigualdade econômica  é um problema que afeta atualmente a maioria dos países, mas principalmente os países menos desenvolvidos. Isso se dá principalmente pela distribuição desigual de renda de um país, mas também existem outros fatores, como a má formação educacional e o investimento ineficiente de um país em áreas sociais.
 A desigualdade ficou mais evidente a partir do capitalismo, pois a transição do feudalismo para o capitalismo no século VXI, expulsou muitos camponeses de suas terras, que ofereciam os meios para sustentar sua família e por isso, precisaram de ajuda e caridade alheia.
Para Rousseau existia dois tipos de desigualdade: A primeira, a desigualdade física ou natural, que é estabelecida pela força física, pela idade, saúde e até mesmo a qualidade do espírito e a segunda desigualdade era moral e política, que dependia de uma espécie de convenção e que era autorizada e consentida pela maioria dos homens.
Outra contribuição significativa vem de Karl Marx  acreditava que a miséria é utilizada como um instrumento pelas classes dominantes. Acreditava também que a desigualdade é causada pela divisão de classes, dentre aqueles que têm os meios de produção (burguesia) e aqueles que contam apenas com sua força de trabalho para garantir sua sobrevivência (proletário).
Conforme Karl Marx, o socialismo seria uma forma de fazer uma luta contra as desigualdades. Para Karl Marx, o socialismo apenas estaria em um país por meio de uma revolução proletaria e que seria a fase de transição do capitalismo para o comunismo, onde o comunismo que seria uma sociedade sem classes sociais em que as riquezas seriam divididas ao povo e que todos iriam contribuir com a sua força de trabalho.
O Anarquismo defende o fim de qualquer autoridade política, econômica e religiosa, ou seja, defendem uma sociedade baseada na liberdade total, mas responsável.  O anarquismo também defende a igualdade entre todas as pessoas e também o fim da propriedade privada, sendo assim uma forma de sair da exploração capitalista.

 Geralmente, existem diversas consequências da desigualdade social e econômica. A marginalização de parte da sociedade, o retardamento no progresso da economia do país, a pobreza, a favelização e o crescimento da criminalidade e da violência são algumas das consequências.


Um comentário:

  1. Muito bom. gostei, profº mas, a Luta continua.

    vamos fundar uma nova OGNs? rsss.

    Por, onde começamos? pela política? no congresso? no senado? ou mudar o presidencialismo? qual a forma de governo pro nosso país?

    o nobre, camarada tem? vamos criar um FORUM de debate?

    ResponderExcluir